sábado, 12 de dezembro de 2009

O meu dezembro




Finalmente estou postando em dezembro. Este mês que eu não via a hora de chegar! Pois ele traz consigo o encerramento de um ciclo, entre tantos outros que permeiam as nossas vidas.

Foi um mês muito desejado por mim, devido a tudo que passei nos últimos meses. Infelizmente, coisas desagradáveis estão acontecendo, que influenciará irreparavelmente o meu futuro. Portanto, mais um motivo para eu criar uma espécie de meditação especial:

Que meu dezembro seja tranquilo e, caso não seja, que ao menos não esbarre em nenhum pingo da turbulência dos meses anteriores. Que ele também seja de paz. E que se não for totalmente, que ao menos acalente meu coração, me oferecendo o reencontro de amigos queridos e de familiares de ontem e de hoje. Que me faça agir da maneira que mais gosto: com simplicidade.

Que este meu querido dezembro feche mais um ciclo, mas que antes disso abra a minha mente para o que se aproxima e para o que se foi. Que ilumine a minha nova estrada. Que não me tome a chave da porta da realidade nua e crua. Que não leve a chave do portão da fantasia - que nunca vai me largar mesmo.

Que o meu maravilhoso dezembro deste ano me faça lembrar dos dezembros dos outros. Que me faça sorrir pelos outros dezembros que virão. Que me faça sorrir o tempo todo, nem que seja no recôndito do meu ser ou nas profundezas da minha inefável solidão.

Que meu dezembro de agora me dê de presente a mim mesmo. Que traga um verão de alegria. Que acaricie meus sonhos. Que lance um dedo de prosa com Deus. Que limpe meu coração da dor da perda. Que encha de flores alegres o meu jardim de objetivos. Que traga flores com espinhos também. Que me traga um pouco de tristeza (é inevitável mesmo...) - para que me ofereça mais momentos de felicidade. E que não sejam apenas os “meus” momentos, mas que me lembrem de ir atrás deles.

Que meu dezembro continue a ser o que sempre foi para mim e o que sempre será: um mês de reflexão; da busca do que deixei para trás e do que desejo; além da busca da fé, tendo sempre a esperança de que um mundo melhor se aproxima.

Enfim, que o meu dezembro não seja melhor nem pior que de ninguém. Mas que ele seja único.

* * *
Como de praxe, segue o clipe do mês. Ou clipes. A canção é muito bonita, dona de uma letra interessante e interpretada com muita expressividade pelo vocalista. Bom, Linkin Park dispensa comentários, certo? Você escolhe qual quer ver e ouvir: o primeiro clipe, ao vivo com legendas em português ou o segundo, versão de internauta, da gravação de estúdio, maior, com o som muito melhor e com legendas em inglês.

Quer saber? Veja os dois e aproveita pra refletir sobre este ano. Nos dias que te trouxeram alegrias, tristezas, dores, planos, sonhos, muita emoção, talvez alguns sacrifícios, amizade, amor. Enfim, na vida.







5 comentários:

André disse...

show de bola Sclinder!

Rosangela O Araujo disse...

O seu, o nosso tão esperado “Dezembro” (rs) Mês em que nossa sensibilidade fica a flor da pele e, com isso, nos permitimos um momento maior de reflexão sobre todos os aspectos de nossas vidas, seja ele profissional, familiar, afetivo, etc... Conseguimos literalmente fazer uma faxina (interna/externa), nos preparando para o início de um novo ciclo, cheio de sonhos, planos, metas. O que é mais importante disso tudo é que, muitas vezes, entramos nesta fase com uma maturidade maior, com mais humildade e serenidade.
Com certeza o seu tão esperado “Dezembro” lhe trará um verão cheio de alegrias, conquistas, esteja certo disto. Que o seu caminho tenha muitas flores sim, aguçando ainda mais a sua sensibilidade e que continue sempre escrevendo e retratando momentos e fatos deste jeito todo especial... Adorei!!! Bjs, Rô

Ana Luisa disse...

Muito bom, gostei de tudo! Essa música é sensacional. O seu texto é um misto de desabafo com desejo, de oração com meditação! E tudo converge para um único objetivo: que o seu futuro seja de paz. E nem precisava ter sugerido uma reflexão sobre o meu ano e o que ambiciono para 2010, fui lendo e comparando! rs
Beijos

Marcello disse...

Irmão! compartilho da tua dor e das suas aspirações! Um ano difícil, um mês turbulento e a esperança de q td vai melhorar e, se te conheço bem, vai conquistar. e essa música? pra detonar hein, amigão? rs valeu! vou clicar 200 vezes no gravação em estúdio! rs abração

Samantha disse...

compartilho de tudo com vc, das suas aspirações e dores!! e q desabafo gostoso!! adorei! os clipes são demais!! maravilhosos!! a música é sensacional! bjinhos