domingo, 9 de agosto de 2009

Apontamentos





Não é difícil ser atencioso e nem ter muitas virtudes.
É fácil ser honesto, muito mais consigo mesmo. Mesmo.
Acordar de madrugada, cheio de preocupação, é para qualquer um.
Para abraçar e acolher, basta querer ultrapassar a própria timidez. Ou a sisudez.
Ser frio, mas com o coração aflito, tem momento certo. Ou hora errada.

Pode ser difícil ser ouvido, quando orienta o caminho certo.
Fácil encontrar incertezas, naquele que precisa acreditar no que parece ser incerto.
A madrugada certamente passará a incomodar muito mais.
O abraço acolhedor e aconchegante é para sempre, porém, depende de quem se sentiu acolhido um dia. Ou todos os dias.
O coração aflito nunca sossega. Exceto na hora certa.

Mas hoje não é dia desses apontamentos de pai, apenas de comemoração.

Feliz Dia dos Pais para mim!

5 comentários:

Bela disse...

Sim, sim, Feliz Dia dos Pais pra ti, para o meu e para todos os pais que tem em seu coração todo o aflito que todo o amor inevitavelmente traz.
Abraços moço ;)

Marcello disse...

Feliz dia dos pais, meu amigo! vc me fez lembrar meu pai qdo colocou "ultrapassar a timidez ou a sisudez", cara, meu pai é muito tímido!! fica super acanhado pra dar ou receber um abraço, e é do tipo sisudo tb! kkkkk tirando isso, é igual a vc: um superpai, como já pude comprovar como vc é com a Giulia. gostei dos apontamentos. abração

Ana Luisa disse...

Gostei desses apontamentos. Se parecem muito com os pensamentos do meu pai: é muito atencioso com os filhos; tem muitas virtudes; é honesto com ele mesmo, com seus sentimentos e emoções; não dormia direito quando a gente adoecia; sempre dá um abraço gostoso nas horas mais necessárias, vencendo a timidez; sabe ser duro com a gente, quando sabe que precisa ser, mas já errou o ponto algumas vezes; meu irmão já duvidou dele, deixou de seguir os conselhos e quebrou a cara; já deixamos ele sem dormir, esperando a gente voltar da balada; a gente sempre procura seus ternos abraços; ele sempre fica preocupado conosco, claro, e sabe quando tudo está em paz. Está vendo? Tudo a ver! rs E você estava certo, hoje não é dia de ficar pensando nessas coisas, hoje é dia de relaxar, curtir, comemorar o seu dia com sua filha! Feliz (já no finalzinho) Dia dos Pais [ou espero que tenha curtido ao máximo rs]! Também gostei da foto, parece que dá pra ver você com sua filha ali! rs Beijos

Anônimo disse...

Menino, q paizão vc deve ser! gostei! e adorei a foto tb, com esses bonequinhos "dizendo" tta coisa. depois do q eu li, vi vc e sua filha na foto (eu e meu pai tbem!)! rs e seus apontamentos de pai me fizeram ver q os abraços, beijos e presentes de hj foram poucos para o meu pai, ele merece muito, muito mais! mais carinho, mais atenção, mais "ouvidoooo" rs vou me policiar, ah, se vou! valeu! q o seu dia tenha sido maravilhoso! beijinhos. Samantha

Sérgio disse...

Márcio, com apontamentos de pai como esses, vejo o quanto estou no caminho certo como pai e o quanto deixei de ouvir o meu. É por aí mesmo. Gosto do seu estilo de escrever: o uso do "mesmo"; "ultrapassar a própria timidez. Ou a sisudez", bacana isso; "Ou hora errada"; o aviso da madrugada sem dormir; mencionar o abraço que depende de quem já o recebeu; e o coração que só dá trégua na hora certa. E ainda fecha mencionando que hoje não é dia de ter esses pensamentos, que o certo é receber os louros de um bom pai! rs Está certíssimo! Grande abraço.